Um mês antes das eleições nos Estados Unidos, o diretor Joss Whedon (Os Vingadores) chamou seu grupo de amigos famosos (atores e atrizes de Hollywood) para fazer um vídeo em prol as campanhas políticas americanas. Para quem não sabe, nos Estados Unidos, ao contrário do Brasil, o voto não é obrigatório. E o vídeo trata justamente disso, já que Donald Trump é o candidato a presidência do país.

Nós sabemos que o Robert não se envolve com essa história de política, tanto é que não declarou quem ele apoia na campanha. Mas dessa vez a história é diferente. Robert aceitou o convite do diretor e convocou toda a população americana para sair de casa e votar. Confira a nota oficial:

O vídeo é liderado pelo próprio Homem de Ferro, Robert Downey Jr – o nome de maior importância na lista de celebridades de Joss Whedon. Um cara que tentou permanecer não-político ao longo dos anos, mesmo que ocasionalmente tenha expressado que tem inclinações conservadoras. Whedon não tinha certeza do que Downey iria dizer quando ele o convidou para participar.

“Eu fiquei surpreso quando ele disse sim, ele disse sim imediatamente,” conta o diretor. “Ele não está interessado em ser um partidário, mas ele se importa, ele entende. O que ele me respondeu no e-mail que enviei para ele foi, ‘Acho que posso participar da sua agenda socialista de champanhe’ – (ele usou exatamente essas palavras) – “Então eu disse, ok, eu não posso argumentar com isso”.

Confira os vídeos da campanha e os Erros de Gravação