DIREÇÃO: Richard Linklater

PRODUÇÃO: Tommy Pallotta, Anne Walker-McBay, Palmer West, Jonah Smith, Erwin Stoff

DURAÇÃO: 1h 40m

CAST: Robert Downey Jr, Keanu Reeves, Woody Harrelson, Winona Ryder, Rory Cochrane, Lisa Marie Newmyer, Dameon Clarke, Jason Douglas, Marco Perella, Alex Jones, Turk Pipkin.

BILHETERIA: 7,7 milhões USD

SINOPSE: Em um futuro próximo, em que os Estados Unidos praticamente perdem a guerra contra as drogas, Robert Arctor, um policial de narcóticos em Orange County na Califórnia, se infiltra tão profundamente no seu trabalho, que se torna um viciado.

Ele persuade Donna, uma traficante, para trazer à tona seu fornecedor. Ao mesmo tempo, ele recebe ordens para espionar seus colegas de casa, um dos quais é suspeito de ser o maior cliente da Donna.

ENREDO: Os Estados Unidos perderam a guerra contra as drogas. A substância D, uma droga poderosa que causa alucinações bizarras, varreu o país. Aproximadamente 20% da população total é viciada. Em resposta, o governo desenvolveu um sistema de vigilância invasivo de alta tecnologia e uma rede de policiais disfarçados e informantes.

Bob Arctor é um desses agentes secretos, designado para mergulhar no submundo da droga e se infiltrar na cadeia de suprimentos. Arctor tem a visão de estar em sua casa com a esposa e dois filhos em Anaheim, Califórnia. Mas tudo o que ele tem são dois companheiros de casa viciados em drogas: Luckman e Barris (Robert Downey Jr.)

Os três passam algum tempo fazendo D e fazendo exames complexos, possivelmente paranoicos, de suas experiências. Na delegacia, Arctor mantém a privacidade usando um “traje de luta” que muda constantemente todos os aspectos de sua aparência e voz; ele é conhecido apenas pelo codinome “Fred”. O oficial sênior de Arctor, “Hank”, e todos os outros oficiais disfarçados, também usam trajes de embaralhamento, protegendo suas identidades até mesmo uns dos outros.

CURIOSIDADES: Robert Downey Jr. ficou atraído pelo filme quando soube que Reeves iria estrelar e Linklater dirigir. Downey achou o roteiro o mais estranho que já havia lido.