Dia: 28 de janeiro de 2024

Na última terça-feira (23), Robert Downey Jr. recebeu sua terceira indicação ao Oscar em sua carreira. Desta vez, Downey está na corrida na categoria de ‘Melhor Ator Coadjuvante’, por seu papel como Lewis Strauss em ‘Oppenheimer’.

Muitos críticos já consideram Downey como o principal candidato ao prêmio, depois de ter vencido a mesma categoria no Golden Globes e no Critics Choice Award, além de ter recebido indicações no BAFTA e nos Screen Actors Guild Awards (SAG). Aconteça o que acontecer, Downey acredita que está em melhores condições para receber um Oscar agora do que quando foi nomeado pela primeira vez na cerimônia de 1993.

Recentemente durante uma entrevista no programa “The View”, Downey disse que ganhar o Oscar de ‘Melhor Ator’ em 1993 pelo seu desempenho como Charlie Chaplin teria sido a pior coisa para a sua carreira.

“Eu era jovem e louco”, disse Downey, acrescentando que ganhar um Oscar aos 28 anos “teria dado a impressão de que eu estava no caminho certo”.

 

Como já é de conhecimento público, o ator passou muitos anos com problemas com a justiça. Foi notoriamente detido em 1996 por posse de heroína, cocaína e uma arma descarregada, tendo sido condenado a três anos de liberdade condicional. Um ano depois, foi preso por três meses por ter faltado a um teste de detecção de drogas ordenado pelo tribunal. Faltou a um novo teste em 1999 e foi condenado a três anos de prisão. Downey cumpriu 15 meses, tendo sido novamente detido quatro meses após a sua libertação por posse de droga.

O histórico de Downey com a justiça dificultou a sua contratação à Marvel para o papel de Tony Stark, que posteriormente marcou a sua carreira. Ele era a escolha preferida do antigo presidente da Marvel Studios, David Maisel, mas “a minha equipe achou que eu era louco por colocar o futuro da empresa nas mãos de um viciado”.

“Eu fiz com que eles percebessem como Downey era ótimo para o papel”, disse Maisel no ano passado. “Todos nós tínhamos confiança de que ele estava limpo e continuaria limpo”, concluiu ele.

Downey perdeu o Oscar de Melhor Ator em 1993 para Al Pacino por “Perfume de Mulher”. A sua segunda indicação foi em 2009, pela comédia “Trovão Tropical”, mas o prêmio foi atribuído postumamente ao ator de “O Cavaleiro das Trevas”, Heath Ledger. A atual indicação de Downey Jr. para “Oppenheimer” é uma das 13 que o épico cineasta Nolan tem no seu currículo. É o filme mais indicado do ano até o momento.

Variety.

# Sem categoria