Tumblr_mgz5kf2yvw1qcn8xuo2_500_large
Olha que jeito legal de começar a tarde, hoje o RDJ Brazil traz a vocês ( tambores ) uma série de posts, uma analise psíquica profunda digna de Freud (só que não), sobre os personagens interpretados por Robert Downey Jr. E na semana de estréia do segundo trailer de Homem de Ferro 3 o que seria melhor do que falar de Tony Stark?
Tumblr_mhppu9wyvh1rdhgm5o2_250_large ”Ele não é simplesmente lindo, não é simplesmente o playboy, Tony Stark tem aquele ponto que faz milhões de fan girls suspirarem pelo mundo. (por favor, não estamos falando da conta bancária ok?) Mas quem é ele, de onde veio, quais as suas intensões nesse mundo? Afinal o charmoso playboy veio à tona nas telonas em 2008, encarnado na pele de Robert Downey Jr, o que sabemos é que ele não é bom com segredos…e ai?

Anthony Edward Stark, ou simplesmente Tony. O rapaz moreno, boa pinta, milionário, playboy, mulherengo e…filantropo. Surgiu no ano de 1963,( na revista Tales of Suspense # 39 ) quando os USA ainda estavam em combate com o Vietnã, ( aquela velha tentativa de colocar os EUA por cima e a Marvel não fugiu muito nesse ponto, bandidos vs vilões e patota… ) com o intuito de colocar os industriais da época em lençóis limpos digamos, apareceu Tony o rico armamentista. Filho de Howard e Maria Stark, o rapaz desde pequeno demostrava os ares da inteligência. Aos 4 anos já havia montado uma placa de circuitos, aos 6 montava seu primeiro motor!

Inteligência é somente um dos dons desse pequeno…ham gênio bem abençoado, enfim Stark tem personalidade forte, charme, porém na fila da modéstia ele não passou. Mas não reclamemos afinal Tony não seria Tony, se não tivesse muita pimenta jogada nessa receita. ( Prevejo xingamentos no twitter pelo trocadilho… )

Um homem que passou por várias fases, a morte do pai, uma grande empresa caindo sob os ombros e sobre sua responsabilidade, é tudo sobre o legado. Um homem inconstante, que pode mudar dos 110 ao 220V em um estalo, com um humor um tanto ácido, assim com seu jeito incomum, o não tão mais jovem Stark conquistou sua legião de fãs mundo a fora. E quem seria, com tudo isso, a melhor opção, quem poderia viver Tony Stark? Um homem não tão menos inconstante, que encarou problemas desde o começo da vida.

Robert vestiu a roupa de Tony Stark, encarando um personagem um tanto humano demais? Já sabemos que os personagens da Marvel tem essa carga ”humana” bem incidente, ao contrário dos da DC, onde tem-se mais em vista o comportamento certinho e politicamente correto. Porém mesmo com tudo o que poderia acontecer, Robert deu o melhor de si encarando um verdadeiro fantasma do Natal passado, o alcoolismo de Tony, seus vícios, sua irresponsabilidade, encarando-se num espelho? Ele deu a Tony um pouco de si e acho eu que Tony também cedeu algo a ele, alguns podem encarar isso de forma diferente. De maneira alguma cito que Robert é o Tony Stark, nem o contrário, mas viver um personagem requer conhecimento e alteridade enormes, não posso terminar esse pequeno post sem dizer que Robert saiu do set um pouquinho mais Tony, fazendo aquele cara lá dos quadrinhos ser também um pouquinho mais Robert.”

Não percam a próxima edição, com Steve Lopez…. ( O Solista )

Gente esse post foi inspirado na coluna Avengers, Fandom & Random do blog Vingadores da Depressão!