Marquem o dia de hoje, 28 de outubro, o dia em que a Marvel Studios zerou a internet e deu uma aula de planejamento a longo prazo. O estúdio foi responsável por um evento que ganhou o nome bastante literal de Marvel Event. Nele, a Casa das Ideias revelou seus planos cinematográficos para os próximo cinco anos – como alguém tinha feito antes – e algumas revelações de títulos que explodiram a cabeça dos fãs (feat. Oberyn).

A seguir, listaremos os filmes anunciados, junto de nossa análise. Preparem-se para entrar na Fase 3 do Universo Cinematográfico Marvel:

102814_mcu_post1

 

Ao contrário do que acreditávamos, o fechamento da Fase 2 será com Homem-Formiga, e não com Os Vingadores: A Era de Ultron. Dessa forma, o primeiro filme da Fase 3 será Capitão América 3, que não mais precisa atender por esse nome. Desde que Robert Downey Jr. sequestrou entrou para o filme, todas as apostas foram para o arco Guerra Civil. Pois a confirmação veio hoje, e o filme realmente irá se chamar Capitão América: Guerra Civil. Parem, respirem, isso está acontecendo e, por favor, leiam o título com toda a pomposidade que ele merece.

Uma cena de Os Vingadores: A Era de Ultron que foi exibida durante o evento mostra uma discussão entre o Capitão e o Homem de Ferro, podendo trata-se de uma premissa para o que veremos na Guerra Civil dos cinemas. Confira:

102814_mcu_post2

 

Logo mais nesse ano, no dia 4 de novembro, será a estreia de Doutor Estranho, que, segundo as especulações, será interpretado por Benedict Cumberbatch.

 

102814_mcu_-post3

 

Guardiões da Galáxia é a única das continuações que foi anunciada sem um subtítulo, provavelmente por motivos de: apesar de ter sido um enorme sucesso, os Guardiões ainda não possuem grandes arcos narrativos das HQs que iriam ressonar com os fãs apenas pelo nome, isso sem envolver algum crossover.

Tratando-se do filme que, até o momento, mais utilizou das Jóias do Infinito em sua história, é de se esperar que esse segundo filme aproximará essa narrativa dos eventos da Terra, onde estão os Vingadores, que mal saíram da Guerra Civil e já estão se preparando para entrar na Guerra Infinita. Porque, afinal, não existe essa balela de que super-heróis podem tirar férias.

Mas como tudo no Universo Cinematográfico Marvel e vide o sucesso anterior, provavelmente será um dos pivôs que juntará os filmes, mesmo que de forma indireta. James Gunn continuará dirigindo a franquia e o elenco não será alterado. Nos moldes da Marvel, provavelmete veremos ele se expandindo, assim como aconteceu com Vingadores 2, que marcou a entrada do Visão, Mercúrio e da Feiticeira Escarlate na equipe – apesar de não haver confirmações de que ainda os veremos após a Era de Ultron. Reparem que nenhum deles ganhou um filme solo, embora isso não fosse esperado, de qualquer forma.

Guardiões da Galáxia 2 tem estreia marcada para 5 de maio de 2017.

102814_mcu_post4

 

Esqueçam o fiasco de 2012, porque 2017 é que será o ano do fim do mundo. Ou pelo menos de como os nórdicos acreditavam que seria. Thor: Ragnarok foi confirmado como a terceira parte da disputa shakespeareana entre Thor e seu irmão-só-que-não-mas-eu-considero, Loki.

De acordo com as informações de hoje, a narrativa do terceiro filme começará a ser construída em A Era de Ultron. No final de Thor: O Mundo Sombrio, Loki faz o que seria sua maior trapaça até o momento: se passar por ninguém menos que Odin. Como o Ragnarök já aconteceu diversas vezes nas HQs, é difícil precisar o que eles usarão e o que será criado para o cinema. Então, vamos nos ater ao básico, que é a mitologia nórdica: Loki traz o fim dos tempos, e a coisa não é bonita.

O filme chega aos cinemas em 28 de julho de 2017.

102814_mcu_post6

Ainda para 2017, está confirmado o filme do Pantera Negra. Sim, teremos um filme protagonizado por um ator que não é loiro… e que não se chama Chris, apesar de seu nome também começar com “Ch”. Chadwick Boseman foi escalado para viver o personagem e, só pela importância de, finalmente, termos um protagonista negro em um filme de super-herói, daria um artigo por si só.

O filme tem data de estreia prevista para  3 de novembro de 2017, porém o Pantera Negra já dará o ar de sua graça em Capitão América: Guerra Civil.

102814_mcu_post7

 

Capitã Marvel será o primeiro filme da Marvel com uma protagonista feminina. Finalmente, né? Enquanto a ~editora concorrente~ já colocou a Mulher-Maravilha logo no começo de seu planejamento, levou bastante tempo para a Casa das Ideias finalmente trazer isso à tona. Não digo, porém, que o filme da Capitã Marvel só existirá em retaliação a isso – mesmo porque os rumores de que esse filme seria produzido já vêm de longa data -, mas foi um timing infeliz, em que faz parecer que esse é o caso.

Capitã Marvel é a alter-ego de Carol Denvers, personagem que, nas HQs, começou como uma oficial da aeronáutica dos Estados Unidos que encontra o Capitão Marvel, um alienígena Kree, e ganha seus poderes – vôo, super força, super velocidade, absorção e projeção de energia – por causa de uma explosão de um artefato Kree, fatos que possivelmente serão omitidos do filme caso os Kree não tenham grande importância em Guardiões da Galáxia 2.

É interessante ressaltar que o primeiro alter-ego de super-herói de Carol Denvers foi o de Ms. Marvel, então, de duas uma: a origem da super-heroína será bastante modificada ou, ao contrário do que vimos até o momento em todos primeiros filmes solo dos heróis da Marvel, esse filme não contará exatamente sua história de origem.

Mesmo que muitos, como a editora que vos escreve (apesar do motivo dela ser: Rússia), clamarem por um filme solo da Viúva Negra, ele não está no planejamento. Mas é bom saber que a Marvel está pronta pra dar esse passo no empoderamento feminino de suas personagens. O que ficou claro durante esse evento é que a Viúva continuará tendo muita importância nos filmes dos Vingadores e adjacentes, e que grandes planos estão sendo traçados para ela.

Veremos Capitã Marvel nos cinemas em 6 de julho de 2018.

102814_mcu_post8

 

Os Inumanos são uma escolha muito interessante da Marvel para desenvolvimento no Universo Cinematográfico. Uma vez que eles não podem utilizar os mutantes, devido à questão dos direitos vendidos à Fox, eles são uma boa resposta para complementar o universo com diversos seres humanos com poderes. A história de origem dos Inumanos também envolve os Kree, assim como o Quarteto Fantástico, então provavelmente veremos grandes mudanças quanto a isso.

Nas HQs, diferente dos Mutantes, os Inumanos são uma sociedade unida que se manteve afastada dos humanos por pura antipatia e medo do preconceito. Essa sociedade teve um grande avanço tecnológico e, curiosamente, baseia-se em um sistema monárquico. (Aproveito para deixar claro que o Gabriel está surtando com a possibilidade de ver Medusa nesse filme.)

Existem muitas teorias de que os Inumanos já estão tendo importância dentro do Universo Cinematográfico Marvel, principalmente no que diz respeito a Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D., uma vez que muitos acreditam que Skye, uma das protagonistas, seja uma Inumana. Se for o caso, a Marvel continua ganhando muitas estrelinhas por ter um ótimo planejamento de longo-prazo.

As certezas virão no dia 2 de novembro de 2018, data de estreia do filme.

102814_mcu_post9

Chegamos, afinal, à grande joia (pun intended) do Universo Cinematográfico Marvel. O filme que fechará os diversos anos e anos de planejamento, cujas sementes podem ser vistas desdeCapitão América: O Primeiro Vingador. Estou falando, obviamente, de Os Vingadores: Guerra Infinita, que, como rumores indicavam, será dividido em duas partes.

É difícil prever exatamente o que ocorerrá nessas duas partes, uma vez que toda a saga das Joias do Infinito é gigantesca no universo das HQs. O nome, Guerra Infinita, faz referência a um confronto dos heróis Marvel contra Magus, que cria uma contraparte para cada um dos heróis, mas acho difícil acreditar que seria o caso nos filmes, já que pelo que vimos em Os Vingadores e em Guardiões da Galáxia, Thanos está sendo moldado como o grande vilão de todo o Universo Cinemátográfico.

Provavelmente veremos, na realidade, uma adaptação da saga das Joias do Infinito e do Desafio Infinito, na qual Thanos busca todas as seis joias, cada uma delas com um poder bem específico, para criar a Manopla do Infinito, uma luva onde todas as joias são inseridas e dão ao seu detentor os poderes de um deus. Algo bem megalomaníaco, né? O resultado disso é metade dos heróis mortos e um dos momentos mais sombrios da Casa das Ideias.

Como serão dois filmes, sabemos que a Marvel preparará algo realmente bombástico para terminar sua jornada nos cinemas – não dizendo, claro, que eles não farão mais filmes depois disso. Então seria bem interessante se a primeira parte de fato terminasse com a morte de diversos dos heróis. Imagina a histeria do público! Imagina a histeria do Gabriel! (Nota da Verônica: sim, ele fica histérico só de pensar). É uma oportunidade que a Marvel simplesmente não deveria deixar passar! Mas só saberemos, realmente, o que esperar, quando já estivermos com a bagagem que os filmes mais próximos trarão. Estamos falando, afinal, de 2018 e 2019, então ainda tem MUITO o que acontecer.

A Marvel, durante o evento, já liberou para os presentes um teaser desse filme, mostrando as diversas Jóias do Infinito que apareceram nos filmes até o momento: o Tesseract, o Aether, o Cetro usando por Loki em Os Vingadores e a Jóia que foi central na narrativa de Guardiões da Galáxia!

Fonte